bancos comerciais cooperativos

Padrão

 

Esta postagem foi desenvolvida da seguinte forma:

1º Dois pequenos textos retirados dos sites  Zureta concursos e Portal do concurso público que dão uma visão geral sobre o assunto.

2º Uma cartilha produzida pelo SERASA, Gerenciamento de crédito para cooperativas que dá uma visão perfeita sobre o assunto. Ela é bem completa.

Caso você queira acrescentar algo faça um comentário

Espero que aproveitem bem e bons estudos!

Aproveito para pedir que baixe meu livro A Fortaleza do Centro e fazer um comentário e caso goste divulgar para seus amigos, se possível no facebook e twitter.

 

1º Dois pequenos textos retirados dos sites  Zureta concursos e Portal do concurso públicos que dão uma visão geral sobre o assunto.

Bancos Comerciais Cooperativos

maio 8, 2008 por Naidhy

Os bancos cooperativos são bancos comerciais que se diferem dos demais, por terem como acionistas exclusivamente as Cooperativas de Crédito.

Vantagens:

  • Benefícios Sociais e educativos;
  • Liberdade de escolha (compras á vista);
  • Crédito rápido;
  • Seguros (diversos) contas correntes aplicações financeiras com taxas superiores;
  • Cobertura de emergência;
  • Tranquilidade de saber que é o orgão administrativo pelos próprios associados.

A principal diferença entre os bancos comerciais e bancos comerciais cooperativos, são que os cooperativos não tem fins lucrativos, portanto podem cobrar juros baixos e não tem a mesma burocracia que os demais bancos.

 

Bancos Comerciais Cooperativos

Bancos Cooperativos são bancos comerciais, constituídos sob a forma de sociedades anônimas que diferenciam-se dos demais por terem como acionistas, exclusivamente, as Cooperativas de Crédito.

Devem fazer constar, obrigatoriamente, de sua denominação a expressão “Banco Cooperativo” e têm sua atuação restrita às Unidades da Federação em que estejam situadas as sedes das pessoas jurídicas (cooperativas) controladoras. Podem firmar convênio de prestação de serviços com cooperativas de crédito localizadas em sua área de atuação. É vedada a sua participação no capital social de instituições financeiras e demais instituições autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Na constituição de um Banco Cooperativo devem ser seguidos os procedimentos pertinentes para a constituição de banco comercial (ver roteiro específico), com a seguinte particularidade: apenas as pessoas jurídicas controladoras devem publicar declaração de propósito e comprovar capacidade econômica compatível com o empreendimento.

 

 

2º Uma cartilha produzida pelo SERASA, Gerenciamento de crédito para cooperativas que dá uma visão perfeita sobre o assunto. Ela é bem completa.

Link direto: http://www.serasaexperian.com.br/cursosinteresses/palestras/ftp/ftp_0097.pdf

Ou  Cartilha Serasa

 

Não esqueça de ler meu livro e se gostar divulgue-o para seus amigos no facebook e twitter. É só clicar no banner abaixo:

Sobre Eder Sabino Carlos

Sou formado em Ciências Econômicas e desenvolvi este site para democratizar materiais de estudos de qualidade para concursos públicos e Enem. Hoje sou representante de vendas na área de material de construçãoa na cidade de Vila Velha ES. Gosto de ler livros de aventura e tenho um livro publicado em e-book com o título de A Fortaleza do Centro. Um livro de aventura infanto-juvenil, mas adultos também estão gostando. Você pode baixar o livro no site e aproveite e veja os comentários das pessoas que já o leram.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s