Como escolher um Netbook

Padrão

Como escolher um Netbook – Abril 2011

vi este artigo no site Kero Dicas e achei muito interessante, por isso, trouxe para cá para você ficar bem informado, pois o netbook é a febre do momento.

Se você quiser saber mais sobre o assunto neste link tem vários artigos sobre como escolher um computador: Kero Dicas

Netbook da Asus

Tal e qual como acontece nos portáteis, a tarefa de escolha de um netbook é algo complicada, os modelos já chegam ao mercado configurados pelas marcas e não temos maneira de escolher os seus componentes.

As diferenças entre modelos também são bastante difusas, tendo as marcas contribuído grandemente para a confusão ao criar sucessivos modelos nos quais os componentes são os mesmos e só mudam as referências, já para não falar de que todos os modelos (recentes e antigos) partilham não só as mesmas prateleiras nas grandes lojas mas também os preços, dificultando ainda mais o processo.

Tal como aconteceu no caso dos portáteis, neste artigo não vamos fornecer configurações específicas, vamos sim explicar quais os componentes mais actualizados e o leitor terá de usar esta informação e dirigir-se as lojas para a escolha do netbook que mais se adequar ao seu caso em particular.

Tamanho do monitor.

Uma das maiores limitações que podemos encontrar nos netbooks é o reduzido tamanho do monitor, e falo por experiência própria pois tenho um Asus EeePC 1008 HA (aqueles mais fininhos que cabem a vontade num envelope A4), com quase dois anos e que uso (ou melhor, abuso dele) “diariamente”.

Estes pequenos tamanhos são suficientes para tarefas básicas de consumo de informação, já para criar alguma coisa é bastante mais complicado, nomeadamente a níveis de design ou edição de vídeo e áudio é para esquecer, o ecrã não tem espaço suficiente para trabalhar confortavelmente (já para não falar do rendimento), lembrem-se disso na altura da escolha e optem pelos que têm monitores de maior dimensão.

Os criadores deste segmento, a Asus com a sua linha EeePC, começaram por introduzir monitores com 7”, mas a medida que foram lançando novas versões os monitores também aumentaram, actualmente as 10” são consideradas o normal, tendo os topo de gama 12”, sim, também há netbooks topo de gama.

Apontem sempre para as 12”, o tamanho do netbook será maior mas nada de relevante e compensa em conforto de utilização, de referir também que quanto maior for o tamanho do monitor mais bateria gasta, de qualquer modo podem contar com um mínimo de 3 e um máximo de 6 horas de bateria, consoante os modelos e a sua utilização, só a título de exemplo o meu 1008 HA com o Wi-Fi ligado dá para pelo menos 3 horas de utilização intensiva, notem que dada a sua reduzida espessura é dos que têm as baterias mais pequenas.

Processador.

Todos os dispositivos deste segmento usam os processadores Atom da Intel, já começam a aparecer algumas opções que usam a plataforma Fusion da AMD, a qual é melhor a nível de performance e consumo, mas como não estão largamente disponíveis no mercado ainda não serão incluídos neste artigo (talvez no artigo de Maio), de referir ainda que a Intel já está a preparar a próxima geração Atom conhecida pelo nome CedarView e que apresentará as primeiras amostras já em Abril, mas a data de previsão de entrada no mercado destes últimos é o quarto trimestre de 2011.

Existem várias gerações dos processadores Atom, a mais recente é a plataforma Pineview, mas ainda permanecem no mercado algumas plataformas anteriores, por exemplo: Silverthorme e Diamondville.

Trocando por palavras que vocês percebam, os processadores mais antigos e que não convém comprar são os das plataformas Diamondville e Silverthorne, especificamente as referências: 230, 330, N270, N280, Z500, Z510, Z515, Z520, Z530, Z540, Z550, Z560.

Os da série Pineview são os que merecem a vossa atenção, as referências dos que têm um núcleo são as seguintes: D410, D425, N450, N455, N470 e N475, as referências dos que têm dois núcleos são as seguintes: N550, N570, D510 e D525, sendo este último rei e senhor da performance, o D525 é o melhor de todos mas também é o que consome mais bateria, podem ver uma listagem completa da série Pineview aqui.

Memória RAM.

Como já falamos em artigos anteriores aqui mais uma vez podem aplicar a norma de “quanto mais melhor”, tendo em atenção os limites do respectivo sistema operativo, de qualquer modo não há muita escolha possível, a maioria dos netbooks a venda têm só 1 GB de memória RAM e em alguns casos 2 GB.

Tendo em conta as limitações naturais deste segmento é altamente recomendável comprar com 2 GB, mesmo que venha só com 1 GB façam o upgrade logo no momento da compra, em qualquer loja podem fazer esta actualização (deve andar na casa dos 50€), por norma basta retirar a tampa e adicionar a memória, ou no caso dos mais pequenos retirar a que lá está e colocar uma de maior capacidade.

Placa gráfica.

Neste capítulo lamentavelmente não temos muitas opções a escolha, a maioria dos netbooks que estão no mercado usam a placa integrada Intel GMA 950 que tem uma performance realmente sofrível, esta opção é usada para manter os tentadores preços destas máquinas, no entanto estragam grandemente a experiência de utilização.

Notem que esta placa integrada é suficiente para tarefas básicas de Internet, email e documentos, desde que esqueçam os jogos e vídeo de alta definição, aliás, mesmo vídeos do YouTube de 360p podem funcionar aos saltos se estiverem a executar alguma outra operação no background.

A melhor opção é escolher um netbook com acelerador gráfico Broadcom Crystal HD (existem muito poucos no mercado) que já permite ver vídeo em alta definição, ou melhor ainda optar pela plataforma ION2 da Nvidia, esta última além de permitir vídeo em alta definição dá-se ao luxo de poder correr alguns jogos com um certo à vontade, notem que os netbooks com esta solução da Nvidia são os mais caros.

Restantes componentes.

Nos restantes componentes não há realmente possibilidade de escolha, são os mesmos para todos os netbooks, Webcam com microfone, placa de som, placa de rede, portas USB, etc.

Os discos rígidos são também um dos pontos mais fracos, a grande maioria são de 4200 rotações, o que em conjunto com 1 GB de memória Ram traz resultados desastrosos a níveis de performance, os discos SSD são a solução ideal para estes equipamentos, não só são absurdamente mais rápidos como também consomem muito menos energia, pena é que encareçam o preço final em demasia.

Como escolher?

Recapitulando, o Netbook que neste momento oferece a melhor relação preço/rendimento terá um processador Atom de dois núcleos N550 ou N570, 2 GB de memória RAM e monitor de 10”, podem encontrá-los de várias marcas e com preços na casa dos 300 a 400 euros, se tiverem que comprar mais barato optem pelo processador de um único núcleo N455 ou N475 com 1 GB de RAM e monitor de 10”, estes estão abaixo dos 300 euros.

Quem tiver a carteira mais recheada pode optar pelo topo de gama, com processador Atom de dois núcleos D525, 2 GB de RAM, monitor de 12 “, e placa gráfica ION2 da Nvidia, é o melhor netbook que se pode comprar e actualmente só existe um modelo disponível no mercado, o Asus EeePC 1215N, o preço está na casa dos 460 euros, em última análise com este montante podem adquirir um portátil com mais capacidade, mas terá um tamanho muito maior e uma limitada vida de bateria reduzindo assim a sua mobilidade, é precisamente esta escolha que vocês terão de fazer.

Para esta série ficar completa ainda resta falar dos tablets, mas tendo em conta que a única opção viável do mercado é o iPad 2 não faz muito sentido falar deles agora, dentro de poucos meses teremos mais alternativas disponíveis e na altura será então feito o respectivo artigo.

De qualquer modo tenham em conta que um tablet é um dispositivo que é mais dedicado ao consumo de informação e não tanto a criação da mesma, sendo por isso um concorrente bastante forte para os netbooks mas não tanto para os portáteis.

Se o site está te ajudando a atingir seus objetivos, que tal também me ajudar a levar  informação de qualidade para todos. Clique aí no banner abaixo, é muito simples.

Sobre Eder Sabino Carlos

Sou formado em Ciências Econômicas e desenvolvi este site para democratizar materiais de estudos de qualidade para concursos públicos e Enem. Hoje sou representante de vendas na área de material de construçãoa na cidade de Vila Velha ES. Gosto de ler livros de aventura e tenho um livro publicado em e-book com o título de A Fortaleza do Centro. Um livro de aventura infanto-juvenil, mas adultos também estão gostando. Você pode baixar o livro no site e aproveite e veja os comentários das pessoas que já o leram.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s